Docentes da Ufersa aderem à greve geral do dia 14

Professores e professoras da Ufersa, reunidos em assembleia durante a manhã de hoje (12), decidiram pela adesão à greve geral que será realizada na próxima sexta-feira (14). A assembleia foi realizada nos quatro campi da Ufersa e por ampla maioria a categoria deliberou pela paralisação das atividades na universidade e participação nas manifestações nacionais.

A greve geral do dia 14 tem como principais motes a luta contra os cortes de recursos para as Instituições Federais de Ensino (IFES), em defesa da educação pública e contra a proposta da previdência em tramitação no congresso nacional.

Em Mossoró, a manifestação será realizada com a tradicional “descida do alto”, com concentração às 15h na lateral da Igreja Matriz de São Manoel, localizada na Av. Presidente Dutra. Nos demais campi, docentes da Ufersa irão se integrar às atividades propostas pelas entidades de base locais.

Esquenta – Na sexta-feira pela manhã, a ADUFERSA participa de um “esquenta” para a greve geral, que será realizado às 8h na sede da ADUERN, em Mossoró. A atividade político-cultural vai reunir diferentes entidades sindicais e políticas para uma roda de conversa acerca dos impactos da contrarreforma da previdência e um café da manhã unificado. O esquenta é aberto à toda comunidade acadêmica da Ufersa.

Confira algumas fotos da assembleia da ADUFERSA:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *