Nota Pública – ADUFERSA – SINTEST – DCE

NOTA PÚBLICA

 No último dia 21 de agosto, a UFERSA foi alvo de um novo golpe, 29 anos depois do que ocorreu com a ESAM. O Presidente da República anunciou a nomeação da terceira colocada na lista tríplice da consulta interna para a Reitoria.

Historicamente, a comunidade ufersiana tem cultivado uma cultura democrática de nomeação do primeiro colocado no processo de consulta. Interromper isso corresponde a um duro golpe na autonomia, não só administrativa, mas também didático-pedagógica e científica da nossa instituição. 

Não obstante, o que ocorre na UFERSA não é um episódio acidental: faz parte de um conjunto de ataques sistemáticos conduzidos pelo Governo Federal, que visam ao desmonte das instituições federais de ensino por meio de cortes orçamentários e sucessivos ataques à sua autonomia. Liga-se ainda, de forma mais direta, ao que tem ocorrido em outras instituições – no IFRN, na UFC e nas demais Universidades e Institutos cujo processo democrático não foi respeitado.

É nesse sentido que nós, entidades representativas das categorias da UFERSA, convidamos toda a comunidade universitária para realizar a defesa do resultado da consulta ocorrida em 16 de junho. A comunidade não reconhece a nomeação de quem foi derrotado nas urnas.

Saudações universitárias,

 

ADUFERSA / SINTEST-RN / DCE ROMANA BARROS

Mossoró, 22 de agosto de 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *